terça-feira, 19 de maio de 2009

Silenciar...

"Room in New York" by Edward Hopper

.
E o nosso amor
Entristeceu...
Já havia tempos
Que nossos olhos
Andavam opacos,
E nossas vozes
Emudecidas.
Nosso choro
E sentimentos
engolidos,
Entupiam
Nossas artérias.
Até nossa música
Que antes penetrava
Nossas entranhas,
Fez-se estranha...
E já agora,
Em despedida
Reverente e
Dolorosa,
Afastamo-nos e
Abençoamo-nos
Em silêncio,
Tendo em mente
Que o sagrado
Permanece!
.

neli araujo
2009
.

11 comentários:

Jacira mavignier disse...

Neli,

Ainda que a separação

seja esperada,educada,

vivida,reverente.

Ainda que o silêncio permaneça...

o tamanho da frustração e da dor

de um AMOR que se apaga,

é como se a luz

de um milhão de postes falhassem...

é como se a música na boca dos

músicos calasse.


Beijos

A poesia é LINDA,mas desejo amores mais alegres pra você!!

Anita disse...

Amigos são como músicas. Eles entram na nossa vida e deixam sinais, como a sonoridade do vento ao final da tarde. Como os ataques de guitarra e os metais presentes em cada clarão da manhã!

Uma quarta feira cheia de bençãos.
Beijinhos mil.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

bete disse...

Esse momento onde as palavras não consertam mais é muito triste, porque a gente sente dor, e uma enorme impotência junto.

Rubinho Osório disse...

Que triste!!!

Viviana disse...

Querida Neli

O meu grande e carinhoso abraço.

Informo-a que tem um desafio lá no meu cantinho.

Tenha uma boa noite

viviana

E o pensamento voa... disse...

Olá, pessoal querido!

Jacira

Anita

Bete

Rubinho

Viviana

Obrigada pela presença aqui e pelas palavras carinhosas.

Quem nunca viveu uma situação como esta, não é mesmo?

"Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.

Há tempo de chorar, e tempo de rir;
tempo de prantear, e tempo de dançar."

Eclesiastes 3: 1 e 4

Então, todas as fases da vida têm que ser vividas, não há como fugir delas; e quando a gente coloca no papel, consegue exorcisar um pouco alguns sentimentos.

Tenham um restinho de semana feliz!

Carinhoso beijo,

Neli

dragao vila pouca disse...

Neli, é só uma crise...isso passa logo.

Beijinhos tetracampeões

E o pensamento voa... disse...

Olá, Dragão amigo!

Não é crise, não, hehehe

Isto é poesia, hehehe

beijinhos tetracampeões para você também!

carmen disse...

Neli:
poema triste...
mas muito bonito!

bjs

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Separações são tristes,mas quando você as descreve se tornam lindas!

Beijos!Sonia Regina.

neli araujo disse...

Carminha e Soninha,

É sempre muito bom ter voces aqui comigo!

Obrigada pela amizade e pelos comentários carinhosos!

B.F.S,

Neli