segunda-feira, 19 de julho de 2010

E o vento quando sopra...

Imagem da Net


E o vento quando sopra,

Levanta minha saia

Assanha meus cabelos...



E a chuva quando cai,

Encharca meus sapatos

Esfria meus pés...



Mas o sol quando aparece,

Coloca um riso em minha boca

E meu coração aquece!



neli araujo

2010

18 comentários:

Sonhadora disse...

Minha querida
Maravilhoso e terno poema, adorei.

beijinhos com carinho
Sonhadora

neli araujo disse...

Oi, Sonhadora!

Que o sol esteja sempre presente em sua vida, colocando um riso em sua boca e aquecendo este teu delicado coração!

Aceita este meu carinho, como forma de amizade!

beijinhos,

neli

maria teresa disse...

Ai o sol, o sol que muda tanta coisa!
Querida Neli a sua sensibilidade detectou a minha tristeza. Ando triste sim! Existem problemas familiares inesperados que muito me apoquentam...tenho esperança que se resolvam depressa.
Obrigada! Abracinho

poetaeusou . . . disse...

.*
belo poema
,
e a Noite
enleia o vento,
que assopra á chuva,
que aspirja o sol !
,
Conchinhas,
,
*

Wanderley Elian Lima disse...

O astro rei sempre aparece para iluminar nossos dias e nossos coração. Adorei o poema.
Beijos

neli araujo disse...

Oi, Maria Teresa!

Sinto muito, minha linda!
Espero que logo, logo, a Maria Teresa volte a ficar de bem com a vida, com todos os problemas solucionados!

Uma beijoca carinhosa,

neli

neli araujo disse...

Poeta amigo,

Sempre deixando estas tuas conchinhas poéticas por onde passa...

Obrigada pelo carinho!

Conchinhas são sempre benvindas!

Um abração,

neli

neli araujo disse...

Oi, Wanderley!

Você sempre muito gentil e generoso por onde passa!

Seja benvindo aqui na minha "casa de campo", e volte sempre!

Beijos,

Neli

SolBarreto disse...

Adorei o poema!
Realmente nada como o Sol com sua luz e calor para renovar a esperança, a fe, a coragem de enfrentar tudo o que pode surgir pela frente!

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Pura ternura...e o sol, sempre, retorna...

Todo o meu carinho!

Sonia Regina.

P.S.Que bom ter gostado do template...é mesmo obra do Orlando ,a cada novo post tenho colocado uma obra diferente,coisinhas de mãe!!!

Denise disse...

Coração aquecido, tudo o mais pode retirar-se e seguir a chuva...

Lindo, Neli.
bjos, amiga.

neli araujo disse...

Oi, Sol querida!

Você, até no nome tem o "SOL", rsrsrs

Obrigada pela visita epor seu carinho, linda!

beijinhos,

Neli

neli araujo disse...

Oi, Soninha!

Obrigada, amiga!

Eu percebi, mesmo, que a amiga estava sempre trocando de template, rsrsrs

Mas, este da mulher com a moto foi o que eu mais gostei de todos! Parabéns pelo filhão e pelo trabalho dele!

beijocas,

neli

neli araujo disse...

Oi, Denise!

Obrigada, linda!

O sol nos faz muito bem, neste inverno!

beijinho,

Neli

carmen disse...

Neli:


Da minha parte, espero que o vento, quando sopre, não levante a minha saia...Eu, hein???

E quando a chuva cai, não molhe os meus cabelos, que não são à prova de chuva (ai, ai, ai!)

Já meus sapatos, parecem uma galocha...rsrsrs
E meus pés, costumeiramente já são frios

Já o Sol, quando aparece, me deixa muito feliz, com certeza!!!

Lindo poema, querida.
Brincadeirinha...

bjs hilários

neli araujo disse...

Carminha querida, hehehe

Até parece, né?

Adorei o que escreveu, minha amiga!

Que o sol brilhe sempre para você, Cá!

beijinhos e volte sempre!

Neli

gabyshiffer disse...

Olá Neli,
Vim pelo blog do Olavo conhecer o seu e adorei tudo aqui
Parabéns pelo seu cantinho
:)
vou te seguir
Q vc tenha uma linda Quinta
Beijos na alma!

neli araujo disse...

Oi, gabyshiffer!

Seja sempre benvinda aqui no meu espaço!

Obrigada pelas palavras de incentivo!

Uma beijoca,

neli