quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Lya Luft

Imagem tirada da Net
.
“Era tido como ríspido, quase violento; temido

por família e funcionários, gostava de discutir, logo

se irritava: um lobo solitário. Mas havia uma mulher

ao lado de quem se deitava para arder, e também

para chorar; com quem ria feito menino; a quem

dizia todas as ternuras que não se permitia expressar

com mais ninguém.

Ela descobrira, sem saber como – apenas porque

era sua destinação - a ponta do fio do coração

desse homem, e deixava que se desenrolasse.”
.

Excerto tirado do livro “O Rio do Meio” de Lya Luft.
.

18 comentários:

Déia Arakaki disse...

Oi Neli Boa Tarde....

Por mais ríspido que seje um coraçao.
Ele sempre em algum tempo é tocado mesmo que de leve , mesmo que suavemente e talvez imperceptivelmente.
Planta-se uma semente e eis que ela germina com a força de derrubar e transpor até mesmo a terra dura e não arada.

Existem "flores" ate sobre as pedras !!

Beijos querida

Vilma disse...

Até as rosas têm espinhos! :)

Gostei muito!

Lucí disse...

Ahh esses homens!.. São temidos por outros homens, mas sempre se escondem atras de uma grande mulher, e feliz daquela que consegue chegar ao coração verdadeiro de um!..rsrs

Bjoss.. tbm adoro os livros de Lya Luft..

Cynthia Lopes disse...

Oi Neli, o rio do meio, o caminho do meio, o amor é mesmo a justa medida! bjs

dragao vila pouca disse...

Enfim, como diz um amigo meu, um leão com coração de pombo.

Beijinhos

bete disse...

PôÔÔô...inteligente ela não?

neli araujo disse...

Oi, Déia!

É verdade,existem flores até sobre as pedras, linda!
beijinhos,

neli araujo disse...

Oi, Vilminha!
Esta escritora, Lya Luft, é muito sábia!
Tem escritos maravilhosos!
beijinhos

neli araujo disse...

Oi, Luci!

Obrigada pela visita e participação!

Seja benvinda em meu espaço!

Volte sempre!

beijocas

neli araujo disse...

E não é, Cynthia?
Sempre a justa medida, linda!
beijinhos,

neli araujo disse...

Oi, Dragão!

Gostei desta expressão! Leão com coração de pombo! Não conhecia...

beijinhos

neli araujo disse...

Muito, Betinha.

Foi este livro que comentei com você e Carminha lá na Saraiva.

bjs

carmen disse...

Neli, quando tentei achar o fio da meada do coração do meu ex-marido, que não era violento, mas frio e pouco comunicativo, ensimesmado em si mesmo, vivendo ao redor do seu próprio umbigo; após muitas tentativas, erros e acertos, cheguei à conclusão que "o crime não compensava", pois cansei de tanto me deixar de lado, sem qualquer retorno que não fosse mais exigências...
Perdi o fio da meada e nem fiz questão de procurar...
(sem saber como?!?!?!)

Era, e é, um lobo solitário.

bjs

carmen disse...

Neli, esqueci de dizer que a imagem é, literalmente, de tirar o fôlego!!! rsrsrs

Anita disse...

Não se envaideça de nada que você tenha, ou pelo o que você é.
A vaidade e o orgulho são os piores sentimentos que você pode ter
no seu interior.
Tudo nesta vida é transitório.
Nenhum bem é eterno.
Eterna mesmo, somente a vida.

Tem um maravilhoso e abençoado dia.
Muitos beijinhos.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

neli araujo disse...

Carminha, minha querida!

Desculpe não responder antes, mas ontem à noite a Internet me deu um baile por conta das chuvas...

Linda, eu nem sei se é possível encontrar a ponta do coração de alguém, mas acho esta passagem lindíssima, e então quis dividir com vocês!

Obrigada por partilhar seus momentos,amiga!

Beijinhos carinhosos,

neli araujo disse...

Carminha,

Literalmente, linda! hehehe

neli araujo disse...

Anita querida,

Obrigada! Tenha um dia abençoado você também!!!!!!!!!!!!
beijos,